> Institucional> Nossas Unidades> Fale Conosco> Acesso Especial> Webmail
Home do site
Resultado de Exames
Unidades
Convênios
Pré-agendamento
Dicas de Saúde

Os efeitos da quimioterapia nas emoções

Emoções

Todos os pacientes em tratamento de câncer sentem maiores ou menores mudanças emocionais. A quimioterapia pode afetá-las, pela fadiga ou, diretamente, pelas mudanças hormonais. Muitos doentes têm tido dificuldade em aceitar seu diagnóstico. Alguns sentem-se deprimidos, revoltados ou nervosos durante a terapia.

Seus sentimentos podem vir de diversas fontes:

- necessidade de mudar a rotina diária;

- limitações na habilidade física;

- temor pela doença, dentre outras.


Tais sentimentos são normais diante da obrigatoriedade de adaptação frente a um diagnóstico de câncer. Se você se sentir muito nervoso ou infeliz:

 

 

  • tente conversar sobre isso com seus familiares e amigos íntimos;

 

  • procure atendimento profissional;

  • cuide de seu (a):

 

 

 

- corpo: órgãos e sistemas;
- mente: emoções e sentimentos;
- espírito: fé

  • procure grupos que tenham a mesma doença, como:

- ABRALE (Associação Brasileira de Leucemia e Linfoma)

- GBECAM (Grupo Brasileiro de Estudos do Câncer de Mama)

- Instituto Oncoguia

  • informe-se sobre sua doença:

- leia livros,

- pesquise em sites de confiança como os acima mencionados,

- converse com outros pacientes e com seu médico.

Enviando...