> Institucional> Nossas Unidades> Fale Conosco> Acesso Especial> Webmail
Home do site
Resultado de Exames
Unidades
Convênios
Pré-agendamento
Dicas de Saúde

Especialidades

Cardiologia

Cardiologia é a especialidade médica que diagnostica e trata das doenças do coração e de outros componentes do sistema circulatório. As doenças frequentemente tratadas pelo cardiologista são:
  • Hipertensão arterial;
  • Dislipidemia (alterãções do colesterol);
  • Arritimias;
  • Doença de Chagas;
  • Insuficiência Cardíaca;
  • Angina e Infarto Cardíaco.
Confira as dicas de saúde do coração do Ministério da Saúde.

Acesse aqui a área do site da Sociedade Brasileira de Cardiologia com informações de como prevenir doenças cardiológicas.

Cirurgia do Aparelho Digestivo

A Cirurgia do Aparelho Digestivo é o ramo da Medicina que estuda, sob o ponto de vista cirúrgico, as doenças que são oriundas dos órgãos responsáveis pela digestão dos alimentos: esôfago, estômago, duodeno, pâncreas, fígado e vias biliares, intestino delgado e órgãos anexos. Além de abordar cirurgicamente os órgão mencionados, o cirurgião do aparelho digestivo pode atuar em nutrição parenteral e enteral, videolaparoscopia e endoscopia digestiva.

Cirurgia Geral

Cirurgia geral compreende:
  • Cirurgia abdominal;
  • Cirurgia videolaparoscópica;
  • Cirurgia do trauma.
Ocupa-se do estudo dos mecanismo fisiopatológicos, diagnóstico e tratamento de enfermidades passíveis de abordagem por procedimentos cirúrgicos. A residência médica em Cirurgia Geral é pré-requisito para várias outras especialidades cirúrgicas. A Associação Médica Brasileira e o CFM reconhecem a Cirurgia Geral como especialidade e não apenas como pré-requisito para outras especialidades.
Médicos que atendem essa especialidades:

Cirurgia Oncológica

A Oncologia ou Cancerologia é a especialidade médica que estuda as neoplasias (câncer ou tumores malignos), a forma como essas doenças se desenvolvem, buscando seu tratamento. Na oncologia atual, é de suma importância o tratamento multidisciplinar, devido à enorme complexidade da doença e suas diferentes abordagens terapêuticas. O primeiro objetivo é a cura dos pacientes; caso não seja possível, cabe ao oncologista indicar tratamentos que melhorem a qualidade de vida, permitindo que o paciente fique bem consigo mesmo. A Oncologia Cirúrgica é a especialidade médica responsável pelo tratamento cirúrgico das patologias tumorais, que muitas vezes é o único procedimento necessário para o tratamento do câncer; principalmente nos estadios iniciais. Praticamente todas as especialidades participam do diagnóstico do câncer, e muitas especialidades cirúrgicas também participam do tratamento.

Dermatologia

A pele reveste o corpo humano, sendo considerado o maior órgão. Tem inúmeras funções como: regulação térmica, defesa orgânica, controle do fluxo sanguíneo, proteção contra diversos agentes do meio ambiente e funções sensoriais (calor, frio, pressão, dor e tato).

A Dermatologia se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico e cirúrgico das doenças que envolvem a pele. Além disso, estuda seus anexos (ex.: cabelos, pêlos, unhas, glândula sudoríparas e sebáceas), mucosas (ex: boca e genitais) e tecido subcutâneo. 

Nas últimas décadas ampliou suas ações com avanços nas áreas de Cirurgia Dermatológica e Cosmiatria.

Clique aqui para acessar o Portal da Sociedade Brasileira de Dermatologia, voltada ao público em geral.
Médicos que atendem essa especialidades:

Endocrinologia e Metabologia

A Endocrinologia é o ramo da Medicina que cuida das alterações das glândulas endócrinas. Glândulas são órgãos que produzem substâncias que vão auxiliar em várias funções do organismo. O organismo possui dois tipos de glândulas, as endócrinas (que secretam hormônios no sangue) e as exócrinas (que secretam substâncias em cavidades internas ou no exterior do corpo). Os hormônios controlam a reprodução, o metabolismo, o crescimento e o desenvolvimento, a maneira pela qual você responde ao meio ambiente, ajudando a regular a quantidade exata de energia e nutrientes que o seu corpo precisa para funcionar.

As principais áreas de atuação do endocrinologista são: tratamento do diabetes, da obesidade, de doenças da tireóide, das alterações do ciclo menstrual, osteoporose, da síndrome metabólica (obesidade, alterações da glicose, do colesterol e hipertensão arterial).


Leia mais sobre estes assuntos no site da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia:

Síndrome metabólica
Prevenção da Osteoporose
Diabetes
Obesidade

Geriatria

A expectativa de vida da população brasileira ao nascer passou de 69 para 73 anos de 1998 a 2008. Vários aspectos determinam o aumento da expectativa de vida, mas o aspecto mais importante é, sem dúvida alguma, a saúde (maior acesso da população, campanhas de vacinação, avanços da medicina, prevenção de doenças e maior percepção das enfermidades).

Geriatria é o ramo da medicina que estuda a prevenção e o tratamento de doenças relacionadas à velhice, objetivando o bem estar do idoso e permitindo um envelhecimento saudável, vivendo de modo integrado e ativo, mantendo o mais alto nível de autonomia, pelo maior tempo alcançável.

As doenças crônicas comumente encontradas em idosos, e que podem ser amenizadas pelo geriatra são: problemas de memória, tendência a quedas, pressão alta, osteoporose, dores nas costas, tontura, zumbidos, tremores, problemas cardíacos, insônia,  fraqueza, desmaios, depressão, distúrbios digestivos e problemas pulmonares.

Leia mais sobre a saúde do idoso no site do Ministério da Saúde.

Acesse aqui o 
Guia Prático do Cuidador, disponibilizado pelo Ministério da Saúde.

Acesse aqui o site da
Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAZ).
Médicos que atendem essa especialidades:

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia é o ramo da medicina que estuda a reprodução na mulher. Estuda a gestação, o parto e o puerpério nos seus aspectos fisiológicos e patológicos.O  médico especialista cuida do desenvolvimento do feto, além de prestar assistência à mulher nos períodos da gravidez e pós-parto (puerpério). 

Ginecologia é a especialidade que dedica atenção especial às doenças do sistema reprodutor feminino, útero, vagina e ovários; tanto no aspecto preventivo quanto no curativo. Durante o período reprodutivo é dado ênfase à questão do planejamento familiar. Durante menopausa e climatério, promove melhor qualidade de vida. 


Clique aqui para acessar o site do Ministério da Saúde que enfoca a saúde da mulher.
Médicos que atendem essa especialidades:

Hematologia e Hemoterapia

O médico Hematologista estuda, diagnostica e trata doenças do sangue e dos órgãos que produzem o sangue, chamados de órgãos hematopoiéticos. É uma especialidade médica clínica, que trata doenças como:
  • anemias (congênitas ou adquiridas);
  • leucopenias (redução das células brancas de defesa do corpo);
  • hemofilia e outros distúrbios de coagulação (púrpuras, por exemplo);
  • leucemia agudas e crônicas, linfomas, mieloma múltiplo;
  • hemocromatose;
  • hemoglobinopatias (como doença falciforme e talassemias, por exemplo);
  • trombofilias (tendência a apresentar trombose).
Realiza exames como mielograma e biópsia de medula, colhendo e analisando o material.
Hemoterapia é a especialidade médica que utiliza sangue e seus componentes e derivados para tratar doenças, hematológicas ou não, assim como auxíliar o tratamento de grandes queimaduras, politraumatismos e cirurgias.
O Hematologista e Hemoterapeuta  atua tanto na assistência clínica direta em consultórios e hospitais, quanto em laboratórios e em bancos de sangue. 

Clique aqui para acessar o Manual da Anemia Falciforme para a Populaçãoproduzido pelo Ministério da Saúde. ABRALE(Associação Brasileira de Leucemia e Linfoma).

ABRASTA(Associação Brasileira de Talassêmicos).

Infectologia

O Infectologista é o especialista no diagnóstico, tratamento e acompanhamento dos pacientes acometidos por doenças infecciosas e parasitárias,  sejam estas causadas por vírus, bactérias, fungos,  protozoários ou outros microorganismos. Por ser um especialista acostumado a lidar com doenças localizadas nos mais variados órgãos do corpo, em geral o infectologista também tem uma visão global. 

As pricipais áreas de atuação do infectologista são: febre de diversas origens, hepatites virais, AIDS/HIV, doenças Mono-like, doenças causadas pelo vírus Herpes e sua família, infecções em qualquer sítio do ser humano (pele, sangue, trato respiratório, urinário, etc.), acessoria hospitalar na prescrição de antimicrobianos e no controle de infecções hospitalares, vacinação, etc.


Leia mais
 sobre as doenças abordadas pelo infectologista no site da Sociedade Brasileira de Infectologia.
Médicos que atendem essa especialidades:

Mastologia

Mastologia é a especialidade médica que se dedica ao estudo das glândulas mamárias. O mastologista é o especialista que previne, diagnostica e trata as doenças da mama.

Nefrologia

Nefrologia é uma especialidade médica que estuda as doenças do sistema urinário, principalmente relacionadas ao rim. Entre as diversas atividades de um médico nefrologista, pode-se destacar:
  • prevenção de doenças renais;
  • diagnóstico e tratamento de hipertensão arterial (pressão alta);
  • diagnóstico e tratamento de infecções urinárias;
  • diagnóstico e tratamento de nefrites;
  • diagnóstico e tratamento de litíase renal (pedra nos rins);
  • diagnóstico e tratamento de doenças renais císticas;
  • diagnóstico e tratamento da doença renal crônica;
  • diagnóstico e tratamento da lesão renal aguda;
  • hemodiálise;
  • diálise peritoneal;
  • transplante renal.

Visite o site da Sociedade Brasileira de Nefrologia.
Médicos que atendem essa especialidades:

Onco-Hematologia Pediátrica

A Oncologia ou Cancerologia é a especialidade médica que estuda as neoplasias (câncer ou tumores malignos), a forma como essas doenças se desenvolvem, buscando seu tratamento. Na oncologia atual, é de suma importância o tratamento multidisciplinar, devido à enorme complexidade da doença e suas diferentes abordagens terapêuticas. O primeiro objetivo é a cura dos pacientes; caso não seja possível, cabe ao oncologista indicar tratamentos que melhorem a qualidade de vida, permitindo que o paciente fique bem consigo mesmo. 

Oncologia pediátrica tem como foco o tratamento das neoplasias que acomentem crianças. Normalmente são pediatras que se especializam no tratamento de tumores e doenças hematológicas da infância. 

Clique aqui para acessar o site da ABRALE (Associação Brasileira de Leucemia e Linfoma). 
Clique aqui para acessar o livro "Comida que cuida", disponibilizado pelo site da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC).
Médicos que atendem essa especialidades:

Oncologia Clínica

A Oncologia ou Cancerologia é a especialidade médica que estuda as neoplasias (câncer ou tumores malignos), a forma como essas doenças se desenvolvem, buscando seu tratamento. Na oncologia atual, é de suma importância o tratamento multidisciplinar, devido à enorme complexidade da doença e suas diferentes abordagens terapêuticas. O primeiro objetivo é a cura dos pacientes; caso não seja possível, cabe ao oncologista indicar tratamentos que melhorem a qualidade de vida, permitindo que o paciente fique bem consigo mesmo.

A Oncologia Clínica se ocupa do tratamento clínico das neoplasias, principalmente a prescrição de quimioterapia, hormonioterapia e imunoterapia.


Clique aqui para acessar o livro "Comida que cuida", disponibilizado pelo site da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC).

Pediatria

Médicos que atendem essa especialidades:

Reumatologia

A idéia de que as doenças reumáticas são as que acometem apenas o tecido conjuntivo, articulações e ossos nem sempre é correto. Muitos pacientes podem não apresentar estes sintomas e sim sinais de comprometimento do sangue, dos rins, do coração, dos pulmões, da pele, etc. O diagnóstico precoce, estabelecendo causas, tratamentos e conseqüências das diversas doenças reumáticas, é fundamental. Motivo pelo qual se torna importante saber qual a doença de cada paciente, ao invés de simplesmente classificar como "reumatismo".

Dentre as doenças identificadas e tratadas pelo Reumatologista, podemos citar:
  • Doenças difusas do tecido conjuntivo - estão relacionadas aos distúrbios do sistema imunológico, que passam a reagir contra uma célula, tecido ou outro antígeno do próprio organismo: lúpus eritematoso sistêmico; artrite reumatóide, esclerose sistêmica, polimiosite e dermatomiosite, síndrome de sjögren, síndrome do anticorpo antifosfolípide.
  • Vasculites sistêmicas: arterite de Takayasu, granulomatose de Wegener, arterite temporal, doença de Behçet.
  • Espondiloartropatias - doenças da coluna vertebral com ou sem artrite em articulações periféricas e inflamação em outros órgãos como o olho: espondilite anquilosante, síndrome de Reiter, espondiloartropatia da psoríase, espondiloartropatia das doenças inflamatórias intestinais, espondiloartropatias reativas.
  • Doenças osteometabólicas - afetam principalmente os ossos: osteoporose, osteomalácea, doença de paget, hiperparatiroidismo.
  • Doenças articulares degenerativas - doenças degenerativas das articulações: osteoartrose
  • Artropatias Microcristalinas - causadas por microcristais: gota
  • Reumatismos extra-articulares - não afetam a articulação propriamente dita: fibromialgia, dor miofascial, tendinites e bursites, esporões do calcâneo, fasciíte plantar.
Acesse aqui a área de Orientações ao Paciente da Sociedade Brasileira de Reumatologia.
Médicos que atendem essa especialidades:
Enviando...